sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Nem tudo é um mar de rosas ... Mais quand même !



Depois de três semanas ininterruptas de sol e calor, a chuva decidiu cair com classe. Com tanta classe que tiveram que anular o curso de danças latinas da Mimulus agora de tarde. Mas o mais engraçado é que a chuva insistiu em marcar presença até pouco antes do curso que dura duas horas (todas as sextas e sábados) começar. Foi a conta de chegarmos na Place des Terreaux (pois mesmo com a chuva fomos orientados à ir para o local do curso) e o sol encarou o céu cinzento e fez o tempo abrir. Tarde demais ... o técnico do som já havia ido embora e a coordenadora do evento já havia dado a última palavra : ANULADO! 


Uma pena, pois esses são os últimos cursos agendados que a Cia de Belo Horizonte ministra na cidade. como se não bastasse a chuva de hoje, ontem era dia de greve na França (novidade... eles sempre fazem greve). Todos reivindicavam contra a reforma da aposentadoria - o que isso tem a ver com a bienal ? - O curso agendado para as quintas-feiras na região de Lyon foi cancelado também =/  A parte boa da história é que não precisei faltar em mais uma aula na faculdade ... rs 

abre parênteses
Minhas aulas na faculdade finalmente começaram nessa semana, e vi que preciso re-adaptar o meu cérebro e meus ouvidos para 1h45, ou mais,  para as aulas em francês. Eu que já tinha dificuldade de acompanhar/escrever as aulas em português, em francês é ainda mais difícil, mas daqui uns dias eu me acostumo novamente. 

O maior problema (para essa re-adaptação) dessas duas primeiras semanas de aula é que ainda estou estagiando na bienal, então meus horários ficam restritos e acabo perdendo algumas aulas =/ Sorte que tenho uma grande amiga que me atualiza em tudo, além de me ajudar durante as aulas... e claro ela é uma latina - equatoriana e que ainda por cima fala um cado de português :)

A verdade é que também estou descobrindo como é esse terceiro ano da graduação aqui ... e até agora estou gostando da maioria das disciplinas ! Muitas peças teatrais para assistir e descobertas sobre as profissões do "território" artístico nas artes do espetáculo. Estou satisfeita com a grade curricular e em breve terei mais novidades pra contar!
fecha parênteses.


Voltando à Biennale de la Danse ...

Todos esses cancelamentos me fizeram lembrar que imprevistos acontecem em todos os lugares, como por exemplo ontem, quando eu estava dentro do metrô indo para um espetáculo da bienal e em uma das estações ele parou e por lá ficou por quase dez minutos. Um "imprevisto" tinha acontecido com uma outra linha de metrô e ficamos bloqueados, quase que eu não chego no espetáculo à tempo ... ainda mais com a greve e tudo ... ufa ! No final acabou dando tudo certo, cheguei à tempo, entrei, me assentei e assisti o espetáculo solo de uma uma hora da Cie Ali Fekih "Les flamants roses". 

Na quarta-feira foi o dia de "Partida",  espetáculo  com os bailarinos do projeto social da Débora Colker - adolescentes entre 15 e 20 anos apresentaram três trabalhos diferentes e fizeram a platéia francesa fica de pé (sim, pois aqui eles batem palma e quando gostam muito batem palma. Só se levantam quando amam.). Na terça-feira foi dia de acompanhar a Mimulus pra lá e pra cá nas aulas de danças latinas, quando chegou o final do dia estava tão cansada que resolvi ficar em casa ao invés de dormir em algum espetáculo... rs

Na segunda-feira assisti uma cia americana liderada por Bill T Jones, numa super produção encomendada para celebrar o aniversário de 200 anos do nascimento de Abraham Lincoln, décimo sexto presidente dos Estados Unidos. A minha agenda para o fim de semana também já está completa, hoje assisto a Cie "S'poart", amanhã o "Ballet de l'Opéra de Lyon" dançando dois trabalhos (1993 e 1998) de William Forsythe e para finalizar a semana vejo no domingo a Cie Käfig com o espetáculo BOXE BOXE.

Na semana passada o rítmo de espetáculos também foi intenso, de segunda a domingo com uma folga na quinta-feira. No dia 13 de setembro fui assistir três trabalhos apresentados pela "Focus Cia de Dança" do Rio de Janeiro e na terça-feira realizei um dos meus sonhos...  

Lá estava eu às 19h30 no hall de entrada da Opéra de Lyon, e enquanto eu segurava a minha ansiedade e esperava a companhia de uma outra estagiária da bienal e bailarina mineira, eu registrava o momento com algumas fotos sem muito sucesso, pois o ambiente estava muito escuro e a minha máquina fotográfica não é uma brastemp. Mas as fotos não eram o mais importante, meus olhos e minhas emoções registraram isso numa "máquina" muito mais eficaz - minha alma, meu coração, cada mínima parte do meu corpo. O espetáculo que estava marcado para às 20h começou atrasado, mas nada disso tirava o encanto da menina aprendiz de bailarina apreciar duas horas do espetáculo "Nelken"  (1982) da Cia Pina Bausch. A pequena aprendiz não fechou mais os olhos de jabuticaba e ali ficou emocionada de ver a imagem, que um dia viu num livro, virar realidade ali bem diante dos seus olhos! Naquela terça-feira dia 14 de setembro de 2010, ela realizava um sonho que jamais pensara realizar um dia, e mais uma vez agradeceu por ser artista.



Na quarta-feira foi a vez da "Trisha Brown Dance Company", na sexta-feira a Cia "Ailey II " apresentou com seus 12 bailarinos trechos de trabalhos do início da carreira de Alvin Ailey e outros 2 trabalhos mais recentes coreografados por outros artistas. No sábado assisti um solo de Germaine Acogny e no domingo fechei com chave de ouro assistindo a criação 2010 da "Cie Maguy Marin".


Dessa lista de espetáculos faço as minhas considerações para todos. Sei na verdade que só posso agradecer a oportunidade de viver a dança nessa intensidade, e que altos e baixos são os imprevistos no meio do caminho... 


5 comentários:

  1. ainda bem que a gente ta no Lyonzao pra poder aproveitar dessas coisas né ? hehe

    bjos

    CH

    ResponderExcluir
  2. Êta vida ruim hein...rsrs..beijos invejosos!

    ResponderExcluir
  3. "A pequena aprendiz não fechou mais os olhos de jabuticaba e ali ficou emocionada de ver a imagem, que um dia viu num livro, virar realidade ali bem diante dos seus olhos! Naquela terça-feira dia 14 de setembro de 2010, ela realizava um sonho que jamais pensara realizar um dia, e mais uma vez agradeceu por ser artista." Que lindo isto!
    A pequena aprendiz além de bailarina é poeta.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Delma: essa é minha norinha lindinha,uai...rs

    ResponderExcluir